A Era da Informação e a Importância das Ferramentas de Análise

Em uma sociedade caracterizada pelo grande volume de dados, expressivas evoluções tecnológicas e mudanças de paradigmas, produzir informação de qualidade e geri-la estrategicamente, de forma a agregar valor ao negócio, se tornou um desafio. Com o crescimento das tecnologias da informação e a disponibilidade instantânea destas, é possível encontrar um grande volume de dados que podem ser tratados no sentido de extrair padrões e identificar tendências, atendendo às demandas informacionais.


A Globalização pode ser definida como integração socioeconômica, cultural e política, sendo, assim, autora do encurtamento de distâncias, devido à facilidade de comunicação e redução de gastos provenientes da facilidade de acesso à informação. Um dos reflexos desse fenômeno é o aumento da competitividade entre empresas, que estimula as mesmas a procurarem por inovações, aumentando assim investimentos em novas tecnologias, ferramentas de marketing e no capital intelectual de seus colaboradores, a fim de maximizar a produtividade, o lucro e, por fim, as vantagens competitivas e diminuir o déficit na hora de analisar essa grande extensão de dados.


A Globalização encurtou distâncias e facilitou a comunicação e o acesso à informação.

Outro traço do fenômeno da Globalização é o grande volume de dados gerados a todo momento: seja online, por meio de postagens em redes sociais, blogs, pesquisas na internet, ou por registros de vendas e quantidade de produtos em estoque. Todavia, existe um paradoxo de explosão informacional. Se por um lado é possível observar informações para auxílio de deliberações, por outro, o grande volume de informações dificulta a seleção de variáveis que devem ser consideradas durante o processo de busca por conhecimento. Por isso, mostra-se cada vez mais essencial a existência de ferramentas e indivíduos que extraiam, transformem e processem esses dados, para que as decisões da organização sejam orientadas a fatos coerentes e concisos.


Os analytics são a ponte entre dados não-estruturados e decisões confiáveis.

Métodos de análise de dados são aplicados a grandes volumes de dados para a geração de insights – como qual época do ano vende-se mais ou menos para o auxílio na criação de campanhas ou quais indicadores são responsáveis pela oscilação nas vendas – e para prospectar cenários e subsidiar processos de tomada de decisão. Os analytics tratam-se da extração de informações por meio da análise de grandes bases de dados, sendo capaz de identificar padrões, estabelecer relações, criar panoramas e extrair conhecimentos úteis, podendo ser aplicada em diversas áreas. Ou seja, trata-se de uma ponte entre os dados muitas vezes não-estruturados e uma decisão confiável. Sendo assim, os analytics envolvem, de maneira geral, conceitos relacionados a matemática e estatísticas para análise dos dados, ciência da computação para o processamento de grandes bases de dados e conhecimento especializado do objeto de estudo. Portanto, empresas capazes de promover esse gerenciamento dos dados (desde sua coleta à análise) se tornam indispensáveis na era da informação, auxiliando empresas em seus processos de decisão orientados por dados e auxiliando também as mesmas a se posicionarem no mercado!




118 visualizações
+55 (62) 3281-8582
contato@implantait.com.br
  • Branca Ícone LinkedIn
  • Branco Facebook Ícone
  • Branca ícone do YouTube
  • Branco Twitter Ícone
  • Branca Ícone Instagram
© 2011 - 2019, Implanta IT. Todos os direitos reservados.